Tudo é tão simples que cabe num cartão postal

Depois do trabalho rolou happy hour (que prá mim de feliz não tinha nada) de despedida do meu único colega médico, o que significa que a partir de amanhã eu estou sozinha diante das intempéries psíquicas de TODOS os pacientes da clínica.

Ainda bem que eu tenho aquele guarda chuva que suporta ventos de mais de 100 km/h. Vem ni mim, furacão!

Anúncios
Esse post foi publicado em Trampo e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s