Frágil

Um dia desses vi uma dessas frasesinhas feitas de feicibuque que caiu como uma luva, assim como um pitaco do além. Ela dizia em anglo-saxônico algo como “você é um artigo perecível, viva como tal”.

Pois. Amiga está doente. Filhote doentinho. Eu… Eu estou me sentindo uma carcaça ambulante ultimamente.

O caminho da saúde está em assumir nossa fragilidade.

Esse post foi publicado em Falta do que fazer e marcado , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Frágil

  1. Beth Blue disse:

    Será mesmo, Alice? Porque se o caminho da saúde for mesmo assumir a minha fragilidade, eu sou uma das pessoas mais saudáveis que conheço, hehehe. Ou isso ou não entendi nadica do que você disse.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s