Sonhos

Quando eu tenho um tempinho eu dou uma olhada no site yolandês de casas para vender. Não temos planos de mudança, mas eu gosto de procurar…

Nunca acho nada que me interesse, de repente essa semana… PIMBA! Vi uma casa supimpa. Não é que nesse mercado imobiliário hediondo a tal vivenda foi vendida antes mesmo que eu pudesse mostrá-la pro marido!

Nem pudemos sonhar juntos!

Mas a realidade também é boa: a festa ontem foi excelente! Meu presente toscaço, uma vaca-cofrinho, voltou-se contra a feiticeira. Eu acabei levando-a de volta. O filho apaixonou-se por ela, que já junta as moedinhas dele!

A beleza está nos olhos de quem vê.

Anúncios
Esse post foi publicado em Filosofia de cordel e marcado , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Sonhos

  1. Jaboticaba disse:

    As vezes a gente tb olha… Mas somos apaichocados pelo nosso cafofo que tem espaco suficiente, apesar dos pequenos defeitos. Na verdade verdade mesmo, nao precisamos de outra casa. Essa aqui ja e linda para nos!

  2. patricia disse:

    adorei tudo.
    adorei vc ter trazido a vaca e adorei tb ela nao ter ficado aqui em casa rrsss
    alice, e mto ser o q se e!
    ja ouviu o cd?

  3. Pingback: Passeio | 1 ou 2 Palavrinhas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s